CidadesPolítica

Datafolha: 58% dos brasileiros não sabem ou não conseguem citar medidas positivas do governo Bolsonaro

Quatro a cada dez brasileiros não conseguem citar ao menos uma iniciativa positiva do governo do presidente Jair Bolsonaro (PSL). Esse foi o resultado da pesquisa do Datafolha nesta segunda-feira (22).

De acordo com o instituto de pesquisa, 39% falaram que o atual presidente da república não tinha feita nada de positivo e outros R$ 9% não souberam responder a pergunta.

Os maiores índices de descontentamento com está entre as mulheres, nordestinos, praticantes de religiões de matriz africana. Nesses perfis citados sobe para 76% a avaliação da gestão como “ruim ou péssima”.

Elogios as ações  do governo foram mais comuns entre homens, cidadãos do Norte e do Centro-Oeste (11%) e partidários do PSDB (20%).

Entre os temas bem avaliados estão a reforma da Previdência, combate à corrupção,  flexibilização do porte e a posse de armas, acabar com o horário de verão e nomear Sergio Moro para a pasta da Justiça. A política externa e os ministros escolhidos, também foram lembrados.

O mesmo levantamento constatou que boa parte dos entrevistados também não sabem citar medidas negativas do governo.

A pesquisa apontou que os decretos para liberação das armas foram lembradas como negativas. A reforma da Previdência e a imagem pública, que são as declarações polêmicas dadas pelo presidente em relação as vários temas como educação, fome no país, a política externa e o fogo amigo, de brigas internas dentro da gestão do governo. 

A pesquisa foi realizada nos dias 4 e 5 de julho, o Datafolha ouviu 2.086 pessoas, de 16 anos ou mais, em 130 cidades brasileiras. A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos, e o índice de confiança é de 95%.

Deixar um comentário

%d blogueiros gostam disto: