Internacional

Ex-vice-presidente do Paraguai é sequestrado

Oscar Denis. Foto: Reuters

O ex-vice-presidente do Paraguai Oscar Denis, de 74 anos, foi sequestrado na tarde de quarta-feira (9) no departamento Concepción, a cerca de 500 km a nordeste de Assunção.

O presidente Mario Abdo Benítez foi até a região para acompanhar as investigações, de acordo com o jornal “ABC Color”.

O veículo do ex-presidente foi encontrado por funcionários de sua fazenda com as portas abertas e panfletos do autodenominado Exército do Povo Paraguaio (EPP) em seu interior, na estrada que leva à sua propriedade, conhecida como Tranquerita. O EPP é um pequeno grupo armado de esquerda que atua no país desde 2008.

O carro foi deixado a cerca de 20 km do local onde ocorreu o confronto do grupo armado com a Força Tarefa Conjunta (JTF), em 2 de setembro. O conflito resultou na morte de duas meninas de 11 anos, supostamente filhas dos dois principais líderes do EPP.

Nesta quarta-feira, os senadores recebiam em sessão reservada um relatório do Executivo sobre o caso da morte das meninas, quando foi anunciada a notícia do sequestro. A sessão foi interrompida abruptamente, de acordo com a France Presse.

“Obviamente, é a primeira reação deste grupo criminoso”, disse o ex-presidente do Paraguai Federico Franco (2012-2013), de quem Denis foi vice-presidente, referindo-se a uma possível vingança pela morte das meninas.

O EPP é uma divisão do partido político de esquerda “Pátria Livre”, que participou das eleições há 20 anos. Mais de 50 assassinatos, incluindo de policiais e militares, são atribuídos ao grupo, além de mais de uma dezena de sequestros.

Fonte: G1

Deixar um comentário

%d blogueiros gostam disto: