Polícia

Homem confessa ter matado idoso a tiros para não pagar dívida de R$ 40 mil

Um idoso, de 63 anos, foi encontrado morto, nesta quinta-feira (30), no bairro Jardim Centenário, em Campo Grande. O suspeito foi localizado horas depois e confessou o crime à polícia, dizendo que para não pagar dívida de R$ 40 mil teria atirado contra a vítima.

O delegado responsável pelo caso, Roberto Guimarães, explicou que, após o corpo da vítima ter sido encontrado com marcas de tiro na Rua Granada, os policiais começaram a fazer diligências em busca do suspeito pelo crime.

Após ser localizado em sua casa, o suspeito disse à polícia que devia R$ 40 mil para a vítima e, por esse motivo, teve o carro retido e estava sofrendo ameaças. Na noite de quarta-feira (29), ele foi até a casa do idoso, cometeu o assassinato e pegou o veículo de volta, conforme a polícia.

De acordo com as autoridades, o suspeito tentou resistir à prisão, mas foi mobilizado e levado para a Delegacia Especializada de Repressão a Furto e Roubo de Veículos (Defurv), onde preferiu permanecer em silêncio, quando questionado sobre o crime.

Junto dele, os policiais apreenderam uma pistola calibre .765, munições e um celular. O suspeito, que já tinha passagens por disparo de arma de fogo e ameaça, será indiciado por homicídio qualificado por motivo fútil, posse de arma de uso permitido e resistência.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: