Economia

Inflação para famílias com renda mais baixa cai para 0,04%

A inflação para as famílias que vivem com até 2,5 salários mínimos por mês caiu para 0,04% em abril deste ano, ante à taxa de 0,49% registrada em março.

De acordo com os dados divulgados nesta quarta-feira (6) pela Fundação Getúlio Vargas, com este resultado, o IPC-C1, Índice de Preços ao Consumidor – Classe 1, ficou acima do IPC-BR, que mede a inflação para todas as faixas de renda e que em abril registrou queda de 0,18%.

No último mês, sete das oito classes de despesa que compõem o IPC-C1 tiveram queda.

Transportes, por causa no recuo do preço da gasolina; alimentação, influenciada pela queda nos preços das hortaliças e legumes; educação, leitura e recreação, com a baixa nos preços das passagens aéreas; habitação, com a queda nos preços de móveis para residência; saúde e cuidados pessoais, com a queda nos preços dos artigos de higiene e cuidado pessoal; vestuário, com a queda nos preços de calçados; e comunicação, com a queda no valor da tarifa de telefone residencial.

O grupo despesas diversas foi o único com alta na taxa, por causa do aumento dos preços dos alimentos para animais domésticos.

No ano, a inflação para as famílias de baixa renda acumula alta de 1,11% e de 3,17% nos últimos 12 meses.

Deixar um comentário

%d blogueiros gostam disto: