Economia

Lucro do FGTS está na conta dos trabalhadores. Confira como verificar saldo

Foto: Agência Brasil

A Caixa concluiu nesta terça-feira (18), com duas semanas de antecedência, o depósito do resultado do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) do ano de 2019, no montante de R$ 7,5 bilhões. Cerca de 167 milhões de contas do FGTS que tinham saldo em 31 de dezembro de 2019 receberam o crédito, que foi distribuído de forma proporcional ao saldo dessas contas naquela data. Inicialmente, o prazo para conclusão dos créditos era o dia 31 de agosto de 2020.

A partir de hoje, os valores creditados nas contas do FGTS já podem ser verificados no extrato da conta do fundo. Os saques poderão ser feitos pelos trabalhadores nas situações previstas na Lei 8.036/90, como nos casos de demissão sem justa causa, saque aniversário, aposentadoria e outros.

Canais de informação

Os trabalhadores podem consultar o valor do crédito em seu extrato, disponível no aplicativo FGTS, no site fgts.caixa.gov.br e no Internet Banking Caixa.

PASSO A PASSO PARA CONSULTAR O SALDO DO FGTS
APLICATIVO MEU FGTS DA CAIXA

Uma opção para acessar o saldo é por meio do aplicativo do Meu FGTS da Caixa, que pode ser baixado no Google Play ou na Apple Store. Para quem já tem cadastro no site da caixa, basta utilizar as mesmas informações de login. Para quem ainda não tem, será preciso iniciar o cadastro.

Confira passo a passo:

1- Clique em “Cadastre-se” e preencha seu CPF, nome completo, data de nascimento e e-mail.

2- Depois escolha uma senha, que deve ser numérica de seis dígitos, clique no botão “Não sou robô” e confirme.

3 – Abra o seu e-mail. Acesse uma mensagem enviada pelo aplicativo que contém um link para verificação de endereço. De volta ao aplicativo, clique em “Confirmar”.

4 – Volte ao aplicativo, faça o login digitando seu CPF e senha. No primeiro acesso será preciso cadastrar um número de celular. Aparecerão também três perguntas sobre sua vida trabalhista, que você deve responder.

5 – Leia o contrato de prestação de serviços ao cidadão e pronto, já pode usar o aplicativo.

SITE DA CAIXA

Por meio do site, o trabalhador tem acesso ao extrato do FGTS. Para quem já tem cadastro, é preciso ter em mãos o número do CPF ou NIS (Número de Inscrição Social, chamado também de PIS/Pasep. Quem ainda não se cadastrou pode fazer isso na mesma página, informando dados pessoais e criando uma senha.

1- Acesso o site da Caixa clicando em fgts.caixa.gov.br.

2- Clique em Benefícios e Programas, no canto superior esquerdo.

3- Na aba Benefícios do trabalhador, clique na primeira opção FGTS.

4- No canto direito inferior da tela, clique na opção Acompanhe seu extrato.

5- Se você já tem cadastro, ele vai informar o CPF ou NIS, além da senha. Caso ainda não tenha, ele precisará fazer o cadastro clicando em “Cadastrar/Esqueci senha”6- Após cadastro, você vai ter que voltar a tela inicial e preencher o CPF e a senha cadastrada e então acessar o extrato.

Deixar um comentário

%d blogueiros gostam disto: