CulturaEducação

Prefeitura produz cartaz sobre o Covid-19 em Terena

Com o objetivo de orientar a população indígena de Campo Grande sobre precauções que devem ser tomadas para prevenir a transmissão do novo Coronavírus, a Prefeitura Municipal de Campo Grande, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semed), confeccionou cartazes no idioma Terena que foram distribuídos em escolas da Rede Municipal de Ensino (Reme), aldeias indígenas e UPA’s localizadas próximas das aldeias.

Ao todo foram produzidos 70 cartazes pela equipe da Divisão de Educação e Diversidade da Reme, que também realizaram a distribuição, contemplando a comunidade escolar das escolas “Professora Ione Catarina Gianotti Igydio”, “Professor João Candido de Souza”, “Nerone Maiolino”, “Frederico Soares”, “Professora Oliva Enciso”, “Professor  Arassuay Gomes de Castro”, “Senador Rachid Saldanha Derzi”, “Professor Carlos Henrique Schrader” e “Sulivan Silvestre Oliveira”, além das aldeias urbanas “Darcy Ribeiro”, “Água Bonita I e II” e “Canaã”.

Os indígenas que trabalham nos quiosques da praça “Oshiro Takimori”, localizada em frente ao Mercado Municipal, também receberam o material.

Os cartazes contém orientações práticas para evitar o contágio do novo Coronavírus e foi elaborado na língua Terena para atender a população dessa etnia, que é a maior do município. O texto e as ilustrações orientam sobre a forma correta de utilizar a máscara, a higienização das mãos, importância de cobrir nariz e boca ao tossir, descarte de lenços de papel e ainda alertam para o não compartilhamento de objetos de uso pessoal, manter ambientes ventilados e no caso de apresentar sintomas, onde procurar atendimento.

Os cartazes devem ajudar no esclarecimento de cerca de 3 mil pessoas e também estão sendo compartilhados em grupos e redes sociais para ampliar o alcance.

Deixar um comentário

%d blogueiros gostam disto: