EducaçãoPolítica

Rodrigo Maia pede a Bolsonaro que Enem seja adiado

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia, pediu ao presidente Jair Bolsonaro que adie o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), marcado para novembro deste ano. A conversa entre os presidentes ocorreu nesta quinta-feira (14), no Palácio do Planalto.

De acordo com Maia, que falou com jornalistas após o encontro, parlamentares defendem que o Exame Nacional do Ensino M édio seja adiado em razão da pandemia do novo coronavírus.

Os deputados e senadores favoráveis a uma nova data argumentam que, com aulas suspensas, milhares de alunos não têm acesso à internet para acompanhar vídeo-aulas. Segundo Maia, Bolsonaro deve avaliar o assunto.

Rodrigo Maia foi até o Palácio do Planalto a convite do ministro Braga Neto para uma visita ao gabinete de crise ao enfrentamento à Covid. Após conhecer as instalações, Maia e Bolsonaro conversaram por cerca de 30 minutos. Segundo o presidente da Câmara o encontro também serviu para mostrar que os chefes dos dois poderes estão dialogando, mesmo diante das divergências.

O presidente Câmara comentou ainda sobre a medida provisória, editada nesta quinta, que protege agente público de responsabilização no combate à pandemia e recebeu críticas de diversos parlamentares. Maia afirmou que não é seu papel devolver a MP ao Executivo e, sim, do presidente do Senado Davi Alcolumbre, caso avalie necessário.

O presidente Câmara informou que a proposta vai tramitar na Casa e lá será definido se a MP tem amparo constitucional.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: