Polícia

Suspeito de matar dono de lava jato e eletricista é preso

Foto: Reprodução/Rede Social

Joe Magnum foi preso nesta terça-feira (28), suspeito de matar a tiros Luiz da Conceição Thierre, de 36 anos e o eletricista Adriano Medeiros Pereira, de 33 anos, em frente a um lava jato na avenida das Bandeiras, em Campo Grande. O crime aconteceu há um mês e segundo as investigações, foi motivado por ciúmes.

De acordo com a polícia, Joe foi preso na manhã desta terça, em uma chácara, por uma equipe do Grupo de Operações e Investigações (GOI) da Polícia Civil. Ele foi encaminhado para a 5ª Delegacia de Polícia foi interrogado.

De acordo com o delegado responsável pelo caso, Rodolfo Daltro, o suspeito confessou ter matado o empresário e o eletricista, alegando que adiu por estar sendo ameaçado pelo dono do lava jato. O suspeito estava foragido desde o dia do crime, 27 de maio.

Durante o crime, a vítima tentou fugir, mas foi perseguida e executada. No meio do tiroteio, Adriano acabou atingido. Ele estava de moto e apenas passava pela avenida, a caminho do trabalho.

Além de ser preso, o autor foi autuado em flagrante por porte ilegal de arma de fogo de uso restrito, uma vez que o revólver, encontra-se com a sua numeração identificadora adulterada.

Ainda conforme o delegado, as investigações continuam para entender se o caso trata-se de homicídio ou latrocínio, uma vez que há informações de que o proprietário do lava jato, na noite anterior a sua morte, havia recebido R$ 60.000 mil em espécie, que não foi encontrado.

Fonte: G1

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: