Política

“Cuspida na cara das brasileiras”, diz Simone Tebet sobre caso Mariana Ferrer

Foto: Agência Senado

A senadora de Mato Grosso do Sul Simone Tebet (MDB) também se manifestou sobre as cenas julgamento do empresário André de Camargo Aranha, acusado de estuprar a jovem promoter Mariana Ferrer, 23 anos, durante uma festa em 2018. O caso teve como sentença “estupro culposo” e o réu foi absolvido, o que gerou revolta nas redes sociais.

“Assisti vídeo Mari Ferrer. HUMILHAÇÃO. Advogado e juiz rasgaram lei e desonraram Justiça. MP alegou estupro culposo, tipificação inexistente. Réu absolvido. Cuspida na cara das brasileiras, que exigem respostas: OAB, código de ética. CNMP e CNJ, investigação e punição exemplar”, publicou a parlamentar no Twitter, nesta terça-feira (3).

De acordo com revelação do site The Intercept, o promotor responsável pelo caso alegou que não havia como o empresário saber, durante o ato sexual, que a jovem não estava em condições de consentir a relação, não existindo portanto “intenção” de estuprar.

Por isso, o juiz aceitou a argumentação de que o réu cometeu “estupro culposo”, um “crime” não previsto por lei. Como ninguém pode ser condenado por um crime que não existe, Aranha foi absolvido.

O vídeo do julgamento mostra a defesa do réu, o advogado Cláudio Gastão da Rosa Filho, apresentar imagens sensuais da vítima postadas nas redes sociais sem ser questionado sobre a relação delas com o caso, e afirma que “jamais teria uma filha” do “nível” de Mariana. Ele também repreende o choro de Mariana: “não adianta vir com esse teu choro dissimulado, falso e essa lábia de crocodilo”.

Chorando, a jovem reclamou do interrogatório para o juiz. “Excelentíssimo, eu tô implorando por respeito, nem os acusados são tratados do jeito que estou sendo tratada, pelo amor de Deus, gente. O que é isso?”, diz. As poucas interferências do juiz, Rudson Marcos, da 3ª Vara Criminal de Florianópolis, ocorrem após as falas de Gastão. Em uma das situações, o juiz avisa Mariana que vai parar a gravação para que ela possa se recompor e tomar água e pede para o advogado manter um “bom nível”.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: