Esporte

Destaque nacional, Serc/UCDB chega a mais uma Taça Brasil de Futsal Feminino

Equipe conhecida no cenário nacional, a Sociedade Esportiva Recreativa Chapadão/Universidade Católica Dom Bosco (Serc/UCDB) participa de mais uma edição da Taça Brasil de Clubes de Futsal feminina – Divisão Especial. Desta vez, apoiado pelo Governo do Estado, por meio da Fundação de Desporto e Lazer de Mato Grosso do Sul (Fundesporte), o time disputa a competição em casa, no Ginásio Poliesportivo Avelino dos Reis (Guanandizão), em Campo Grande.

O evento, organizado pela Confederação Brasileira de Futsal (CBFS) em parceria com a Federação de Futebol de Salão de Mato Grosso do Sul (FFSMS), e apoio do Governo do Estado, chega à 29ª edição. Os jogos começam no domingo (29) e seguem até o dia 4 de junho.

É a primeira vez que a competição feminina é sediada em Mato Grosso do Sul. “Temos trazido grandes eventos nacionais para o nosso estado e é um sonho antigo sediar a Taça Brasil feminina aqui. Além de receber atletas de renome, teremos a chance de prestigiar equipes de Mato Grosso do Sul no Guanandizão, destacando o futsal feminino”, afirma o diretor-presidente da Fundesporte, Silvio Lobo Filho. O torneio garante ao time vencedor a vaga na Libertadores, competição que envolve equipes de toda a América do Sul.

Nando coleciona participações em torneios nacionais e conta com entrosamento do elenco

“Estamos treinando forte, nos preparativos finais. Temos esperança de fazer uma boa campanha nessa competição, ainda mais por ser em Campo Grande”, conta o técnico Luiz Fernando Borges Daniel, conhecido como “Nando”. “Sempre foi um sonho nosso jogar a Taça Brasil aqui no estado, então agora chegou a hora. Vamos lutar para não decepcionar nossa torcida e chegar na final”, conclui.

Apesar de jogarem a Taça Brasil pela primeira vez em solo sul-mato-grossense, a equipe já tem história na competição: em 2021, o time terminou em sexto lugar na disputa, que ocorreu em Pato Branco (PR). Já em 2019, em Lages (SC), a Serc/UCDB foi semifinalista, encerrando em quarto. “Estamos bastante confiantes, porque dessa vez estaremos em casa, com nossa torcida”, relata a capitã Bruna Elisbão. “Temos uma vivência muito boa, bastante experiência jogando juntas em torneios e campeonatos nacionais. Agora, precisamos nos concentrar e nos livrar da ansiedade e do nervosismo, para apresentar um bom jogo. Chegar na final em casa seria um sonho realizado”, confessa a camisa 4.

Há mais de 10 anos na equipe, Bruninha é uma das mais experientes

Investimento

Em abril deste ano, o Governo do Estado de Mato Grosso do Sul, por intermédio da Fundesporte, destinou R$ 500 mil ao Serc/UCDB, visando a preparação da equipe para campeonatos nacionais. O recurso é proveniente do Fundo de Investimentos Esportivos (FIE/MS).

Segundo o clube, o recurso está sendo utilizado para o pagamento de bolsa para atletas e salários para a comissão técnica, assim como a contratação de reforços para a equipe, aquisição de materiais esportivos, investimento em estrutura adequada para treinos de alto rendimento, despesas com contratação de prestadores de serviços, entre outros.

A Taça 

No total, 13 agremiações participam da Taça Brasil, dividindo-se em três grupos na fase classificatória. O grupo A, único com cinco times, conta com Associação Leoas da Serra (SC), Associação de Futebol Feminino Celemaster Uruguaianense (RS), Vila Nova Futebol Clube (GO), Clube 2004 da Bahia (BA) e Serc/UCDB (MS). Já o B tem São José Futsal e Esportes Olímpicos (SP), Operário/Douradina (MS), Associação Esportiva SK Boa Esperança (ES) e Associação Educacional Magnólia (MA). Estão no grupo C o Instituto Eliberto Stein (PR), Associação Atlética Nova Geração (DF), Instituto Futsal Sem Drogas (MT) e Serra Talhada Futebol Clube (PE).

Segundo a CBFS, a novidade para este ano será a inclusão das quartas de finais. Além do primeiro e o segundo colocados de cada grupo, classificam-se também o primeiro e o segundo com melhor Índice Técnico entre as equipes que ficarem na terceira colocação. Nas quartas, o time melhor classificado na primeira fase joga pela vantagem do empate no tempo normal para fins de classificação para as semifinais. Já nas semifinais e na final, em caso de empate no tempo normal, a partida vai para prorrogação. Persistindo o empate no tempo extra, o classificado será definido nos pênaltis.

A Serc/UCDB já entra em quadra na rodada de abertura, no domingo (29), às 20 horas (horário de MS), diante do Clube 2004/Kath Prosports (BA). A equipe vai com 18 atletas para a competição:

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: