Política

ELEIÇÕES 2020: Márcio Fernandes lidera arrecadação com campanha milionária

Na “briga” pela cadeira de prefeito de Campo Grande (MS), alguns candidatos já estão com caixa cheio de dinheiro para disputar o voto do eleitorado campo-grandense.

Na liderança dos endinheirados está o deputado estadual Márcio Fernandes (MDB) R$ 1.010.150,00, seguido na cola pelo Deputado Federal Dagoberto Nogueira (PDT), que já viabilizou R$ 1 milhão de reais. Ambos tiveram aportes milionários por meio dos respectivos diretórios nacionais dos seus partidos. O limite legal de gasto de campanha na Capital no primeiro turno é de R$7.609.782,17

Veja o ranking de arrecadação 

Marcio Fernandes    (MDB) R$ 1.010.000,00

Dagoberto Nogueira (PDT) R$ 1.000.000,00

Marcelo Miglioli         (SOL) R$ 676.000,00

Pedro Kemp              (PT) R$ 541.000,00

Vinicius Siqueira (PSL) R$ 300.000,00

Marcelo Bluma         (PV) R$ 250.000,00

Marquinhos Trad      (PSD)- R$ 220.122,99

Esacheu Nascimento (PP) – R$ 113.050,00

Promotor Harfouche (Patriotas) R$ 73.000,00

Tio Trustis                 (PSL) R$ 55.000,00

Guto Scarpanti         (NOVO) R$ 46.780,00

Delegada Sidinéia Tobias (PODE) R$ 30.000,00

João Henrique (PL) R$ 16.000,00

Paulo Matos (PSC) R$ 10.500,00

Cris Duarte (Psol) e Thiago Assad (PCO) não declararam arrecadação alguma. 

Atualizado 18/10/2020

Deixar um comentário

%d blogueiros gostam disto: