Esporte

NBA: Los Angeles Clippers afasta 7 funcionários com covid-19

O Los Angeles Clippers está entre os times favoritos ao título da NBA na temporada 2020-21, contudo, encara turbulências dentro e fora de quadra, fato que abala as estruturas do time.

Segundo o jornalista Adrian Wojnarowski, da ESPN norte-americana, sete membros da equipe de apoio dos Clippers foram afastados de suas atividades recentemente por conta da covid-19, visto que um deles testou positivo para o coronavírus.

Após a divulgação das informações, os boatos acerca do duelo entre Los Angeles Clippers e Phoenix Suns, neste domingo, 3, tomaram conta da imprensa. No caso, a dúvida era acerca do grupo que iria viajar até Phoenix. Todavia, membros da franquia angelina se pronunciaram sobre o ocorrido para afastar os rumores.

“Temos uma equipe ampla e tudo que precisamos. Não há desculpas. Nada mudou”, disse o treinador Ty Lue. “Continuaremos fazendo o que temos feito. Os jogadores estão preparados. Isso não é nenhuma distração”, ressalta.

Por conta da pandemia, o cronograma da temporada 2020-21 foi encurtado de 82 para 72 jogos, fato que exigiu ainda mais articulação das equipes. “Com tudo que vimos o ano todo (pandemia), você nunca sabe o que vai acontecer, então tem que estar preparado”, reforça Ty Lue. “Estamos prontos para jogar esta noite”, disse.

Como os Estados Unidos ocupam o primeiro lugar em termos de pessoas mortas e infectadas pelo vírus, o medo deixa os envolvidos com a NBA em estado de alerta. De acordo com Adrian Wojnarowski e outros jornalistas da ESPN norte-americana, a NBA determinou algumas medidas restritivas entre jogadores, técnicos e funcionários das franquias. O objetivo é garantir que ninguém quebre os protocolos de segurança, mas caso alguém descumpra as normas, as punições podem ser severas.

Fonte: The Playoffs

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: