Esporte

Novak Djokovic testa positivo para Covid-19 após organizar tour durante pandemia

Foto: Antonio Bronic/Reuters

O jogador número 1 do tênis mundial, Novak Djokovic, testou positivo para COVID-19. A informação foi dada pelo jogador sérvio nesta terça-feira (23), dias após os casos aconteceram na Adria Tour, evento organizado por Nole durante a pandemia nas últimas semanas nos Balcãs.

Grigor Dimitrov, Borna Coric e Viktor Troicki revelaram estar com o novo coronavírus na última segunda – outros membros de comissão técnica também tiveram casos confirmados.

Djokovic recebeu críticas por organizar o tour enquanto os principais torneios estão suspensos e os casos continuam altos. Além de permitir a presença de público, os tenistas que participaram do torneio em Belgrado (Sérvia) e Zadar (Croácia) foram vistos em festas em locais fechados e não tinham a obrigação de testar previamente para COVID-19.

“No momento que nós chegamos a Belgrado fomos testados. Meu resultado é positivo, assim como o de Jelena (esposa), enquanto os resultados de nossas crianças são negativos”, disse o tenista de 33 anos.

“Tudo o que nós fizemos no último mês fizemos com um coração puro e intenções sinceras. Nosso torneio queria unir e dividir uma mensagem de solidariedade e compaixão pela região”.

“O Tour foi desenhado para ajudar tanto a estabelecê-lo quanto trazer jogadores do Sudeste europeu para ganhar acesso à competitividade enquanto vários tours estão parados por causa da situação de COVID-19”, continuou.

“Tudo nasceu com uma ideia filantrópica, para enviar o que foi arrecadado para as pessoas com necessidade e esquentou meu coração ver o quanto todo mundo respondeu fortemente a isso”.

“Nós organizamos o torneio no momento em que o vírus enfraqueceu, acreditando que as condições para sediar o Tour foram encontradas. Infelizmente, o vírus ainda está presente, e é uma nova realidade que nós ainda estamos aprendendo a lidar e viver”, afirmou o ganhador de 17 Grand Slams.

“Eu estou esperando que as coisas fiquem melhores com o tempo, assim nós todos podemos continuar vivendo da maneira que era. Eu sinto muitíssimo por cada caso individual de infecção. Espero que isso não complique a situação de saúde de cada um e que todos fiquem bem. Eu me manterei em autoisolamento pelos próximos 14 dias e repetirei o teste em cinco dias”, encerrou.

*Com ESPN Brasil

Deixar um comentário

%d blogueiros gostam disto: