Polícia

Oficiais da PM presos em Operação tem prisão revogada pela Justiça

Foto: Cido Costa/Dourados Agora

Os sete oficiais da Polícia Militar presos pelo Gaeco (Grupo de Atuação Especial e Repressão ao Crime Organizado) em maio deste ano em uma operação que desarticulou a ‘máfia do cigarro’, tiveram prisão revogada pela Justiça.

Os réus tiveram liberdade deliberada em uma audiência realizada na última sexta-feira (16) no Conselho Especial de Justiça.

Apesar da revogação da prisão, a Justiça manteve algumas medidas, eles devem continuar afastados das funções, estão proibidos de se comunicar entre si e com as testemunhas, devem cumprir recolhimento domiciliar noturno (das 18h às 6h), e manter o endereço e também de número de celular com WhatsApp, além de comparecimento aos atos processuais.

REELEMBRE O CASO

As investigações correm no âmbito do Gaeco e visam ao desbaratamento de organização criminosa composta por policiais militares que atuam, primordialmente, na facilitação do contrabando de cigarros. Participam da operação batizada por Oiketicus, cerca 125 policiais militares e 9 Promotores de Justiça.

Os mandados tiveram como alvo as residências e locais de trabalhos de todos os investigados, distribuídos nos municípios de Campo Grande, Dourados, Jardim, Bela Vista, Bonito, Naviraí, Maracaju, Três Lagoas, Brasilândia, Mundo Novo, Nova Andradina, Boqueirão, Japorã, Guia Lopes, Ponta Porã e Corumbá.

Fonte: Dourados Agora

Deixar um comentário

%d blogueiros gostam disto: