InternacionalPolítica

Presidente eleito da Bolívia é alvo de ataque com explosivo, diz partido

Foto: Reprodução/Twitter

O presidente eleito da Bolívia, Luis Arce, sobreviveu a um ataque com explosivo depois que foi deixado “totalmente desprotegido” pelas forças de segurança durante uma reunião na sede de seu partido, segundo informações de seu partido, Movimento ao Socialismo (MAS).

Um grupo de pessoas atacou com dinamite a sede do MAS na cidade de La Paz na quinta-feira (5/11). Arce estava realizando uma reunião com membros do partido no momento.

O suposto atentado acontece dias antes da posse de Arce, marcada para este domingo (8/11).

Sebastian Michel, porta-voz do MAS, disse que ninguém ficou ferido no incidente, mas criticou os serviços de segurança por não comentarem o incidente e por não fazerem o suficiente para proteger o presidente eleito.

“Sentimos que estamos totalmente desprotegidos. Ninguém nos oferece as garantias de segurança que nossa autoridade exige”, afirmou.

O ex-presidente boliviano Evo Morales recorreu ao Twitter para condenar o ataque, afirmando que pequenos grupos que estão tentando “criar um clima de confusão e violência” não terão sucesso.

“Nossa revolução é pacífica e democrática” , acrescentou.

O incidente ocorre no momento em que grupos de direita bolivianos começaram uma greve em oposição ao resultado da eleição presidencial realizada em 18 de outubro, na tentativa de paralisar o país dias antes da posse de Arce.

Arce foi eleito presidente da Bolívia com 55,1% dos votos válidos. Seu principal rival na disputa, o ex-presidente Carlos Mesa, que obteve pouco menos de 29% dos votos, se recusou a reconhecer a derrota.

Fonte: BBC Brasil

Deixar um comentário

%d blogueiros gostam disto: